Taxa de Evolução de Obra

Padrão

O post de hoje é sobre a taxa de evolução de obra:

A taxa de evolução da obra deve ser paga até a conclusão da obra ou seja a averbação do Habite-se. Ou seja no caso de compra de apartamento na planta (como é o meu caso) se a previsão da obra for de três anos durante todo esse tempo a taxa deverá ser paga. A importante lembra que taxa de evolução de obra  não tem absolutamente nada a  ver com com o parcelamento feito com o banco financiador do imóvel .  No caso da MRV Engenharia que é a construtora do meu pequeno Apê,  caso as taxas  não seja paga até o data do vencimento a CEF financiadora do meu apê cobra esse valores  da construtora que depois irá efetuar a cobrança ao cliente com incidência  de multa e juros.

O que vejo muito são casos de pessoas que receberam este informativo em casa e se dirigiram a Casas Lotéricas  e efetuaram os pagamentos , o que está ERRADO!!!!!! estes informativos são apenas para conhecimento dos valores. A taxa de Evolução de Obra deverá ser paga diretamente na CAIXA em forma de depósito bancário na conta aberta especialmente para o financiamento.

calculadora_desenho31

About these ads

Sobre CARLA MARTINS

Contadora, moradora do RJ, sonhando com o futuro apê. Concretizando passo a passo seu sonho. A compra, a reforma e a decoração com poucos recursos mas muita força de vontade e planejamento seguido sempre a risca para que no final fique tudo muito simples e bonito, como a VIDA deve ser!!!!!

»

    • Léo,

      O Único conselho que posso te dar é para vc procurar a agência onde realizou o financiamento e conversar com seu gerente para que seja aberto o processo burocrático para estorno deste valor. Caso a construtora já tenha gerado um boleto para cobrança desta taxa de evolução de obra deve entrar em contato com a mesma e enviar o comprovante de pagto para que seja cancelado o boleto de cobrança por parte da construtora.

      Obrigada pela Visita!!!!

      Abraços,
      Carla Martins

  1. Acontecei isso comigo. Recebi papelzinho “para conhecimento” e fui deixando, depois entrei em contato com a Caixa e descobri que tinha fazer o depósito.

    • Olá Denver,

      Obrigada pela visita. É verdade, pois aquele demonstrativo confunde mesmo a gente pois se tivesse uma instrução de pagamento mais clara não teríamos problemas. No seu caso a construtora chegou a cobrar de vc este valor?

      Att.

      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  2. Também comprei um apê pela mesma construtora, nem sabia disso só vai o papel da caixa chegando lá em casa. quando entrei no site e vi a cobrança fui perguntar para o atendimento e era isso. Fiquei muito chateado porque ninguém me falou nada. Sou de Sampa – Bem Viver Guarulhos

    Gostei do blog, parabéns pela inciativa. Showww!!!!!

    • Olá Fernanda,

      O Bem Viver deve ser entregue ainda neste semestre não é? Realmente sem informação a gente pensa que é só para guardar. Continue acompanhando o Blog!!!!

      Até breve!!!!

      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  3. Olá!

    Tb adquiri meu apartamento na planta. Se ñ bastasse a demora na entrega (mais de 02 anos de atraso), continuo a pagar a taxa de evolução de obra, mesmo com o habite-se. Estou cobrando uma explicação da MRV Engenharia, mas, até a gora, ñ tiveram a competência e a honestidade para dar uma resposta.
    Pelo q sei, a cobrança da taxa de evolução de obra é feita até a averbação do habite-se, como, isso já aconteceu, a cobrança é caracterizada ilegal, correto? Se eu deixar de pagar, isso poderia acarretar em algum problema pra mim, mesmo a cobrança da taxa de obra com o habite-se averbado sendo, penso eu, ilegal?
    Detalhe: vendi esse mesmo apartamento, e ele já foi registrado com o nome do novo proprietário, isto é, em princípio, ñ teria mais qualquer vínculo com ele.
    De antemão, obrigado a quem puder ajudar

    • Alexandre,

      A taxa de evolução de obra é devida até a AVERBAÇÃO do Habite-se, se vc ainda está tendo cobrança após isso. Elá é indevida, aconselho que verifique se houve mesmo averbação. Caso afirmativo recorra à justiça para cobrar seus direitos. Agora com relação a vc ainda estar recebendo a cobrança desta taxa sem o imóvel estar registrado mais no seu nome, aconselho que procure a agência bancária onde efetuou o financiamento e procure informações. SE por alguma acaso for a CEF pode ser que eles não tenho encerrado a sua conta de financiamento de habitação (mais conhecida como conta 012).

      Vou procurar me informar com outros colegas para tentar esclarecer melhor sua duvida, pode ser que alguém consiga te ajudar melhor do que eu.

      Desde já Agradeço pela visita.

      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  4. Olá,
    Acabo de entrar no site e consta lá o debito de evolução de obras “empreendimento Bem Viver Guarulhos, MRV”, fiquei assustada e fui para o Google buscar informações, agradeço pelos esclarecimentos prestados acima, onde foi fundamental para o meu entendimento. Agora irei ao banco questionar e buscar maiores informações, caso consiga algo novo estarei notificando aqui.

    • Elaine,

      Obrigado pela visita!! Peço que continue nos acompanhando, pois existe muito ainda para falarmos. Desejo sorte na resolução dos seus problemas!!!!

      Abraços,

      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  5. meu ap estava previsto para ser entregue em setembro desse ano e a taxa de evolução de obra vão até setembro, é um valor simbólico que é descontado da minha conta na caixa.Mas uma amiga de um outro condomínio estava sendo cobrada essa taxa mesmo depois da data prevista de entrega do imóvel e ela entrou com uma ação na justiça federal e foi isenta dessa taxa por que o juíz alegou que é ilegal.Se o cliente estava com expectativa e se preparava para receber o apart naquela data e a construtora atrasou a obra por questões operacionais economizando com mãeo-de-obra ou aquisição de materiais ela vai ter que sozinha suportar as despesas operacionais para cumprir essa nova data de entrega.Espero ter ajudado,confesso que esse mundo de finanças e dízimas numéricas é muito estranho para nossas rotinas…alguma até nos assustam rssss

  6. Em decisão unânime, a 4ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) reafirmou que as construtoras não podem cobrar juros das parcelas pagas pelos consumidores que adquirem imóveis na planta antes da entrega das chaves.

    A sentença foi dada a um recurso da construtora Queiroz Galvão, que tentava reverter sua condenação em primeira e segunda instâncias a devolver em dobro os juros cobrados de um consumidor da Paraíba.

    A prática já era proibida pelo Código de Defesa do Consumidor (art. 39, V), que veda cláusulas que estabeleçam obrigações iníquas, onerosas ou que coloquem o consumidor em desvantagem exagerada, e pela Secretaria de Direito Econômico do Ministério da Justiça (Portaria SDE 03/2001).

    Apesar disso, a cobrança continua sendo feita por algumas construtoras. Assim, a decisão do STJ abre um importante precedente a favor do consumidor que for vítima desse tipo de abuso.

    Idec orienta

    A cobrança de juros antes da entrega do imóvel é uma prática abusiva. “Isso porque os juros constituem a remuneração devida pelo consumidor ao contrair financiamentos e empréstimos, o que não é o caso”, explica Maria Elisa Novais, gerente jurídica do Idec.

    Assim, se houver cláusulas prevendo essa remuneração nos contratos de compra de imóvel na planta, ela é nula, conforme dispõe o CDC (art. 51, IV e § 1º, III). O consumidor pode exigir sua invalidação, assim como a devolução em dobro dos valores eventualmente já pagos a título de juros, como previsto pelo Código também em caso de cobrança indevida.

    O ideal é tentar resolver a questão diretamente com a construtora primeiro ou utilizar da aproximação administrativa realizada pelo Procon. Se não der certo, o consumidor pode buscar seu direito na Justiça.

    • Olá Rinaldo,

      Interessante sua colocação sobre a questão. Porém vendo observando que o não pagamento da taxa de evolução de obra interfere na entrega do imóvel pois a CEF debita estes valores da conta da construtora e a mesmo faz o repasse da cobrança. Logo vou continuar pagando a taxa para que isso não impeça o recebimento do meu imóvel, uma vez que todos os caminhos a serem percorrido judicialmente é longo e moroso. E assim que possível entrei em contato com algun advogado e verifico mais a fundo a questão. Pois possuo todos os meus comprovantes de pagto. A minha unica duvida que ficou é que se a taxa de Evolução de Obra é cobrada diretamente pela Caixa Econômica Federal, logo é ela que não está agindo de acordo com a lei?

      Abraços,

      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

      • Me digam uma coisa.Eu teria que pagar até o mes 09/2013 essa taxa de evolução de obra,mas essa semana que passou eu recebi um comunicado que não vai ser possível concluir até a data prevista que era no mes 09/2013.E apos essa data será que ainda vai ser cobrado taxa de evolução de obra ? Creio que é justamente essa cobrança de taxa fora do previsto por parte dos clientes que é ilegal, pois vamos raciocinar se fosse legal a cobrança dessa taxa fora do previsto as construtoras não teriam a menor vontade em finalizar a obra, pois assim ela ainda ficaria recebendo grande parte desses investimento pagos pelos clientes.Mas é cobrado essa taxa além da data prevista, alquém sabe me informar?

      • Olá,

        até onde sei, a taxa de evolução de obra é cobrada até a averbação do Habite-se e ela não é paga para a construtora e sim para o agente financiador (CAIXA ou BB). A mesma é somente cobrada pela construtora caso o titular do contrato não efetue o pagamento até a data do vencimento para o Banco. Espero ter ajudado em algo.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu Apê

  7. Boa tarde Carla, me tira uma duvida, esse informativo que as pessoas normalmente pagam errado quem emite é a MRV?… Pq é assim, a taxa de evolução de obra chega na minha casa com uma cartinha da caixa informando que tem que fazer esse deposito. O que já aconteceu duas vezes é que a MRV me cobrou esse valor dessa taxa pq a caixa tentou debitar da minha conta 012 e não tinha então ela cobrou da MRV e a MRV cobrou de mim.

    O que vc falou sobre pagar na lotérica seria isso?

    • Queli,

      No meu caso chegam duas cartinhas, uma é o extrato da conta habitacional 012 e o outro papel que é o demonstrativo de pagamento. O valor a ser depositado vem informado em ambos, porém existem algumas pessoas que por falta de conhecimento efetuam pagamento em casa lotéricas o que NÃO é o correto e nesses casos fica figurado com se a pessoa não tivesse depositado na conta. Sempre que o prazo para pagamento não for cumprido a Caixa cobrará da MRV. Não adianta depositar depois pq mesmo assim será cobrado. Pelo o que entendi no seu caso a MRV cobrou de vc após a CAIXA ter debitado da conta da MRV pq no dia de vencimento não havia saldo disponivel na conta 012. Correto? Nestes casos a MRV cobra mesmo do cliente, porém se vc tiver depositado após o vencimento esse valor ficará na conta para o próximo pagamento (mas precisará ver se vai ser preciso complementar pois o valor da taxa normalmente muda a cada mês). Existem casos em que a pessoa deposita o valor correto na data correta e a Caixa cobra da MRV que consequentemente cobra do cliente, nestes casos a cobrança é indevida sendo necessário que o cliente vá até a agência onde fez o financiamento e solicite um extrato da conta 012 e envie para a MRV junto com o comprovante de deposito. Por isso é preciso guardar com muito carinho todos os comprovantes para apresentar caso haja questionamentos futuros. Aconselho a tirar cópia por estes comprovantes perdem os dados com o passar do tempo devido a serem em papeis termo sensível.

      Espero ter conseguido sanar sua dúvida. Qualquer outro questionamento me fale para ver se consigo te ajudar, ok?

      Obrigado por participar do Blog, continue nos acompanhando pois ainda virá muita novidade por ai!!!!

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  8. Bom Dia,
    Comprei também um apê na planta da MRV… estamos aguardando o banco nos chamar para assinar o contrato creio que após esse contrato assinado iremos receber as parcelas de evolução de obra certo? Qual é o valor em média? muda todo o mês? é muito alta?
    Obrigado

    • essa taxa Leriane vaira de acordo com as variações de taxas de juros da caixa,não tem como fixar em parcelas exatas,mas dependendo do valor do seu imóvel e as taxas atuais pode variar entre R$100,00 e R$300,00 de acordo com o valor do imóvel.

      • Na verdade não tem um valor fixo ela varia muito e não vai so ate 300,00… eu paguei a ultima vez 415,00, começou com 119,00 e agora esta nesse valor.

      • Queli,

        Obrigada por participar!!!! Seu comentários são de extrema importância por o blog. Concordo com vc pois não existe valores fixos para a taxa de evolução de obra. O que me foi informado pela caixa é que este valor não pode ultrapassar 70% do valor da primeira prestação de financiamento. E que o valor aumenta de acordo com o andamento da obra, mas respeitando esse limite de valor. Bom eu particularmente não tenho experiência real no assunto pois ainda estou pagando em torno de R$ 130,00 pois como sabem minha obra ainda está no inicio.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

      • Não sabia que seria ate 70% , obrigado por esclarecer minhas duvidas.

      • Queli,

        Agora só nos resta esperar para ver se essa informação vai se concretizar, sinceramente acho injusto pois é um valor alto e que não irá ser abatido do nosso financiamento bancário. Ou seja não vamos nos beneficiar destes valores.

        Mais uma vez, obrigado por participar do blog!!!!

        Abraços,
        Carla Martins

      • Onilson,

        Obrigada por participar!!!! Seu comentários são de extrema importância por o blog. Fui informada pela CEF que não existe valores fixos para a taxa de evolução de obra. O que me passaram é que este valor não pode ultrapassar 70% do valor da primeira prestação de financiamento. E que o valor aumenta de acordo com o andamento da obra, mas respeitando esse limite de valor. Bom eu particularmente não tenho experiência real no assunto pois ainda estou pagando em torno de R$ 130,00 pois como sabem minha obra ainda está no inicio.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

    • Leriane,

      Obrigado por participar do Blog!!!!

      Entrei em contato com o setor de Habitação da CEF onde assinei meu contrato de financiamento para tentar esclarecer esta duvida. O que me foi informado é o seguinte: O que valor da taxa de Evolução de Obra não pode ultrapassar 70% do valor da primeira prestação. Quando assinamos o contrato de financiamento recebemos uma planilha de evolução teórica, porém ela é teórica mesmo pois é apenas uma demonstração de alguns valores conforme o andamento e está sujeita a alterações. Espero que tenho ajudado um pouquinho.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

      • Leriane,

        Fico feliz que tenha te ajudado sobre o assunto. Conte conosco sempre que precisar.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

      • Leriane,

        Fico feliz que tenha te ajudado sobre o assunto. Conte conosco sempre que precisar.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

  9. Olha Carla, no site da Caixa em Habitação é possível extrair um boleto com código de barras, diferente do documento que recebemos em nossa residencial, e nesse sim é possível efetuar o pagamento das parcelas em aberto.

    • Olá Daniel,

      Obrigado por participar do blog!

      Conforme vc mencionou entrei no site da CEF para verificar se seria possível, imprimir uma segunda via da Taxa de evolução de obra. Porém esta ferramenta não está acessível a minha conta talvez pelo fato de todos os pagamentos sobre a taxas em questão sejam efetuados através da minha conta de habitação operação 012. Caso vc efetue o pagamento da taxa de evolução de obra através da conta de Habitação (012), me avise para que eu possa verificar com meu gerente pq esta opção não é possível para mim. Mas até o momento não estou tendo problemas com o envio das correspondências em minha casa. Lembrando apenas que o pagamento da minha taxa de evolução de obra é feita mediante deposito diretamente na conta habitacional cujo o numero é diferente da conta corrente.

      Abraços e continue participando do nosso blog, pois o objetivo dele é exatamente este que uns ajude aos outros.

      Mais uma vez obrigado!
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê.

      • Carla segue o link para boleto da taxa de evolução de obra.

        http://www1.caixa.gov.br/casa/habitacao/index.asp

        Só é necessário número de contrato e cpf.

        Diferente dos boletos que recebemos em casa esse boleto tem o histórico das última parcelas pagas.

        Acho muito desorganizado esse processo da caixa com as construtoras.

        No contrato caso não depositamos o dinheiro a caixa retira da construtora que por sua vez emite um boleto para nosso pagamento. Estava fazendo isso a quase um ano e sem problema, o problema é que essa semana recebi uma carta de cobrança da caixa se referindo a dois meses maio e junho que a construtora não pagou, consegui o boleto através do site acima para pagamento.

        Verifiquei que os valores dos boletos eram menores que os valores da carta que recebemos em casa.

        Alguém sabe o que é essa Diferença Prestação Emitida?

        E o pior na minha conta os valores que não foram depositados por mim mas foi pago pela construtora e que eu paguei a construtora ainda constam na minha conta.

      • Vitor,

        Obrigada!!!! Eu não sabia desta ferramente para verificar as parcelas.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

  10. Comprei um apartamento MRV Parque Sun City, em Lauroa de Freitas, Salvador-Ba e estou amargurando nessa taxa de Evolução. É o terceiro mês que pago e o valor que paguei hoje foi 818,00. 70% do meu salário.
    Arrependimento.

    • Olá Josyane,

      Obrigada por participar do blog!!! Acho que há algo estrando nisso, vamos lá:

      1º Acho estranho um valor tão alto de taxa de evolução de obra, não que não seja possível este valor de tx. Mas o fato de um banco ter aprovado um financiamento onde a taxa de obra é 70% do seu salário como vc mesma disse.
      2º Se o seu financiamento for pela CEF posso usar meu exemplo, no meu caso eu recebi a orientação do setor habitacional da CEF de que a taxa de obra não poder ser superior a 70% da primeira prestação de financiamento.

      Então nesse caso te aconselho que vc procure com urgência o setor habitacional do banco onde vc assinou o financiamento para verificar se há algo errado no valor desta taxa, pois estou achando muito estranho o valor 70% da sua renda. Existe uma margem para empréstimos que não pode ultrapassar 30%. Logo o valor da prestação não poderia ultrapassar 30% do salario bruto. a não ser que vc feito o financiamento apresentando renda de outras pessoas. Mesmo assim procure o banco com urgência.

      Continue nos acompanhando pois ainda teremos um longo caminho a percorrer.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  11. Sobre a planilha que a CEF entrega no momento da assinatura: o agente financeiro com o qual assinei o contrato me falou que os valores da evolução da obra não são fixos, mas o primeiro valor e o último serão aqueles que estão descritos na planilha.

    • Olá Mari,

      Obrigada por participar do blog!!! Continue nos acompanhando pois ainda temos muito a percorrer. Com relação a taxa de obra a planilha de Evolução Teórica que recebi também vem constando os valores da primeira e da ultima parcela. Porem como os valores de liberação de recursos a CEF está sendo diferente os valores da cobrança também estão. É ótimo saber até quando será cobrado porém o ideal e que seja muitas prestações, pois já sabemos que seremos cobrados até a averbação do Habite-se. Espero que a obra flua com velocidade para q o empreendimento fique pronto logo.

      Abraços,

      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  12. Prezada Carla, comprei um apê com a MRV e estou com uma dúvida sobre a cobrança da taxa de evolução resolvi pesquisar na internet e encontrei seu blog, muito interessante por sinal. Será que vc poderia me ajudar ? O habite-se saiu no final de janeiro e a taxa de evolução ainda continua sendo cobrada vai até o mês de outubro, é legal? Fui orientada por uma advogada a não pagar por ser ilegal, então efetuei o ultimo pagamento a parcela de janeiro. Entrei na justiça, o problema é que não estou sentindo segurança com esta advogada e a construtora colocou meu nome no spc. Estou preocupada! Não sei se é legal cobrar tantas parcelas assim, não sei se seria melhor eu pagar para limpar meu nome e deixar o processo correr normal na justiça? Enfim, meu receio é eu perder na justiça e ainda ter que pagar as custas. O que vc acha?

    Obrigada antecipadamente!

    • Olá Calline,

      Obrigada por participar do blog. O que sei sobre taxa de evolução de obra é que a mesma é devida até a averbação do Habite-se, vc chegou a verificar com a Prefeitura local sobre o mesmo? Esta informação foi passada por terceiros, pela construtora ou pela Prefeitura? Vc já pediu a MRV para demonstrar de qual período são estas taxas de obra? Pois a MRV cobra aos clientes taxas de períodos com aproximadamente uns cinco meses de atraso. O Agente financeiro (CEF ou BB) também poderá te fornecer informações sobre o Status da obra pois ao menos no caso da CEF que foi onde financiei meu apê, o banco não pode efetuar cobrança de taxa de obra e prestação de financiamento ao mesmo tempo. Procure a agência onde assinou e verifique com o setor de Habitação sobre o assunto. Já vi casos onde a MRV não informou a CEF de que o empreendimento estaria 100% pronto e não havia enviado documentação que comprovasse e com isso os proprietário continuaram a receber a cobrança de taxa de evolução de obra.

      Se todas as informações tiverem corretas, o processo é viável sim. Mas o problema é que ficar com o nome restrito no SPC (o que para mim dá um certo desconforto – opinião pessoal), levando em considerações que processo na justiça são longos, se fosse comigo eu tentaria pagar as taxas e depois reaver o $$$ na justiça se não forem muitas prestações poderia tramitar até no tribunal de pequenas causas para ser mais rápido. Se não está se sentindo confortável com sua atual advogada, procure o parecer com outro especialista para esclarecer suas duvidas.
      Enfim é preciso esgotar todas as possibilidades e duvidas para ter certeza do ganho de causa para não ficar no prejuízo depois. Assim como em todas as profissões existem “advogados” e “advogados” não adianta vc colocar na justiça e processo ser esquecido lá e seu advogado não lhe dar assessoria.

      Não sei se te ajudei…espero que sim pois é sempre bom ouvir pessoas de fora da situação (mesmo que eu não tenha muita experiência no assunto)

      Conte comigo sempre que precisar.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

      • Oi Carla, obrigada pelo retorno. É bom mesmo ouvir opinião de quem esta de fora, vou retornar na agência da CEF e buscar maiores esclarecimentos sobre cada parcela cobrada apos o habite-se só assim ficarei mais tranquila em relação ao processo. Um forte abraço e sucesso para o blog!!! Beijos

  13. Comprei um apê, estou pagando as taxas de evolução de obra deposito 012 de acordo com a planilia terminaria 31/10/2013, logo a seguir entraria a fase de armotização deposito 001 em caso de atraso da obra que está bem visivel.O deposito 001 só paga a verbação do habitice ou em caso de atraso da obra, pagaria as duas parcelas a da evolução de obra e da armotização também.

    • José,

      Obrigado por participar do blog, até onde tenho conhecimento se o seu contrato foi feito pela CEF a fase de amortização somente inicia com a averbação do habite-se e o banco também precisa receber um documento da Construtora informando sobre a finalização da obra. Não é correto que os pagamentos da taxa de evolução da obra e parcela de financiamento sejam aos mesmo tempo.

      A planilha que recebemos ao assinar contrato de financiamento é apenas uma demonstração dos valores a serem pagos durante a execução da obra, não necessariamente acabando quando a planilha termina. Mas como outros participantes já falaram a construtora deve cumprir com o prazo de entrega que consta no contrato de financiamento. A partir desse atraso já aconselharam aqui mesmo nesse blog que continue fazendo os pagamentos e entre com processo na justiça pois muitos juízes entendem com indevida a parcela de taxa de obra se a entrega não foi cumprida no prazo estipulado em contrato. Mas não aconselho parar de pagar sem ter orientação jurídica.

      Espero ter ao menos te ajudado com estas informações. Qualquer duvida ou novidade sobre seu questionamento, nos conte.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

      • Oi Carla,parabéns suas informações foram muito satisfatoria.Continue com seu blog certamente vai ajudar muitas pessoas, como me ajudou. Muito obrigado mesmo :D .

  14. Olá,

    Comprei um apê também e já estou pagando a taxa de evolução de obras, porém estou na 3ª prestação e o prazo para entrega das chaves é somente para segundo semestre de 2014. As duas primeiras parcelas vieram de acordo com a planilha tendo pequena diferença, porém a terceira foi muito alta chegando a 8 vezes mais do que as primeiras. Isso é correto tendo em vista que falta muito segundo o prazo pra entrega das chaves?

    • Suely,

      Obrigada por participar do nosso blog. Bom o mesmo não ocorreu com as minhas taxas, o valores estão um pouco diferentes mas nada de dobrar ou triplicar valores. Aconselharia a procurar a agencia onde o seu financiamento foi assinado e procurar pedir instrucões ao setor de habitacão.

      Abracos,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu ape

    • Também estou tendo o mesmo problema, estou na terceira parcela e o valor esta 7 vezes maior do que a primeira de R$ 53,00 e a entrega do ap está prevista para 2015 Parque Santa Monica Bonsucesso.

      • olá , Allan

        a minha 3º parcela também veio com o valor muito maior e a 4 segundo consulta que eu fiz com a Caixa vai ser maior ainda, o problema é: se a obra adianta eles nos cobram mais , se ela parar o valor não abaixa continua o mesmo,sendo assim somando tudo vamos pagar muito mais

      • Pois é Hugo aumentou ainda mais, porem tenho uma duvida, este valor pode ultrapassar 70 % do valor do financiamento ? Estamos comprando um AP e uma casa pra alguém. Muito estanho está taxa.

  15. Bom Dia,

    estou Pagando a 3º parcela da Taxa de Evolução e Obra, porem a 1º e a 2º R$52,00 veio de acordo com a planilha que eu recebi no dia da assinatura , porem a 3º foi de R$478,00, acompanhando a planilha pulo da 3º para a de numero 18, segundo informações que eu obtive da Caixa e MRV isso aconteceu por causa do antecipamento da obra, porem minha duvida e a seguinte: a obra adiantou e o valor também, se ela parar ou atrasar mesmo entregando o apartamento na data correta irei pagar um valor muito maior de Taxa de Evolução do que se eles tivessem construído em 2 anos , parque Santa Monica, Guarulhos – SP

    • É Hugo é o projeto “Minha casa e você sem vida”, brasileiro não tem vez. Por isso o país esta como está e muito das coisas que acontece só nos resta dar risada.

      • Isso é minha casa minha vida .. imagina se não fosse ..complicado

  16. Carla,

    Estou recebendo o valor do pagamento da taxa de evolução acima de 70% você sabe se isso é legal? Att Marina

      • Boa Noite,

        hoje recebei a 4 parcela da taxa de evolução de obra e : surpresa R$986,55, parque Santa Monica – Guarulhos

      • Hugo … Qual o valor da primeira parcela do seu financiamento ?

  17. Ola Allan ,

    achei estranho esse valor,porem no parque santa mônica eles adiantaram a obra fui la pessoalmente e vi, por isso o valor da 3º parcela veio maior, no meu ponto de vista isso estaria correto se eles entregar o imóvel antes dos 25 meses, caso contrario irei pagar um valor maior por mais tempo, se estou pagando um valor de taxa de evolução de obra maior devido ao adiantamento da obra, e eles atrasarem no final o valor não diminui aumenta ou mantem

  18. To vendo a maioria preocupado com a honra de pagar a taxa de evolução de obra, e voces estão certos, mas, quando tiverem um tempo procurem o procom e o Ministério publico para receber de volta em dobro o que voces pagaram. Caros colegas! Alguém já foi na Caixa com a primeira cobrança desta taxa? Alguém da Caixa soube explicar o fundamento legal (lei, portaria, normas)? Alguém da Caixa soube calcular a origem da cobrança? (estes valores pra mim são surpresas, pois todo mês vem um valor diferente e não sei de onde tiram isso). Estou esperando dar um tempo no trabalho para ir atrás dos meus direitos. Penso que tudo que consumimos tem fundamento. Se Vc entra em uma loja e vê uma etiqueta de R$ 1.000,00 em uma calça, vc compra se quiser. Ou se vc tem o seu salário, conforme as faixas de deduções de IR e INSS, voce saberá o quanto receberá liquido. “Agora esta taxa é surpresa pura” quando chega o boleto, ninguem sabe explicar, ninguem sabe a lei, nem mesmo as entidades que nos enviam Foda!

    • Eu vou assim que possível também… aumentou de mais a taxa… ultrapassou os 80% do valor da primeira parcela do financiamento… O valor por enquanto está R$ 590,00 irei ao procon com os extratos e contratos … e acionarei um advogado… minha esperança é receber em dobro ou pelo menos abono no meu saldo devedor.

      Vamos a luta galera…

      • a cobrança da taxa, acima da planilha de evolução , e o processo esta muito desorganizado

      • conforme eu pesquisei a cobrança é legal , porem acho que a forma que esta sendo cobrada pode prejudicar, falta de informação da Caixa, dificuldade para obter dados da conta sendo que a conta 012 não tem acesso a caixa eletrônico nem a WEB, os valores vem acima da planilha base da taxa de evolução entregue no dia da assinatura ,por exemplo teve 1 mês que me cobraram R$998,00 e os demais estão vindo R$670, esse plano era para ser acessível a todos e para facilitar, pois não é MINHA CASA MINHA VIDA? nem todo mundo esta preparado e programado para desembolsar um valor desses de uma hora para outra , sendo que no começo quando assinamos acreditamos na planilha e acredito que a maioria se programou através dela, acho que deveríamos nos Unir a um advogado ou alguém para nos representar junto aos órgão competentes ( PROCON) e outros ..

      • Hugo,

        concordo com você sobre a falta de informação da CEF com relação a divulgação sobre a taxa, acho um pouco obscuro e até vc se informar melhor poderá ter feito alguma coisa errada. Acho que deveria esclarecer um pouco mais para todos. A planilha de evolução que foi fornecida na assinatura, eu já sabia que poderia ser diferente pois tive sorte de poder ser atendida por uma pessoa que sabia respontas as perguntas que fiz na época. Já tive buscando orientação de advogados e alguns aconselham a fazer processo individual pois cada caso é um caso, mas posso te dizer que sempre é bom buscar ajuda de um profissional.

        Nos avise se souber de alguma novidade.

        Agradeço pela participação no blog.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

      • Bom Dia,

        a cobrança da taxa é legal , porem estou me sentindo prejudicado da maneira que ela esta sendo cobrada , teve um mês que lançaram o dobro do valor para eu pagar, e o valor que eu estou pagando hoje esta muito muito acima da (ultima ) parcela da Planilha de Taxa de Evolução de Obra e a obra esta em 81% de conclusão isso significa que o valor aumentara muito mais, alem do apresentando na Planilha, mandei um e-mail para minha argência pedindo explicações e estou aguardando respostas, na minha opinião acho que se recebemos uma planilha para nos basearmos nela ,o valor deveria seguir próximo do valor que esta lá.

  19. O meu já ultrapassou também… Pensei que ia pagar no maximo R$500,00 e já está em R$ 590,00 Está muito difícil lidar com as contas… 81,5 % por enquanto no Parque Santa Monica. Estou esperando atualizar, tenho e-mail aqui dizendo que assim que finalizar a obra eles vão para de me cobrar essa taxa e irão começar a cobrar o o financiamento. Se for verdade no site da MRV informaram que o Parque Santa Monica esta em fase final de obras.

    Se tivessem me avisado antes sobre estas taxa de obras e tambem a correção do INCC que aumentou o valor das minhas parcelas… Não teria financiado… só falta eles cobrarem também algum valor na entrega das chaves… ai me ferra de vez.

    • é amigo complicado, também tive a correção do INCC, na verdade quando os corretores queres nos vender algo eles não gostam muito de divulgar essas taxas, “INCC, Evolução de Obra e outras”, porem minha preocupação esta na taxa de evolução , pois eles tem 25 meses para nos entregar e estão em 81% no Santa Mônica -Guarulhos , estão adiantado, porem a nossa taxa de evolução esta mais adiantada ainda do que o valor da planilha, se eles continuarem acelerando a obra e nos entregar antes dos 25 meses previsto em contratos pagaremos menas parcelas da taxa, caso eles atrasem e entregue no período correto de 25 vamos gastar mais com as taxas.

      • amigo estou muito triste com tudo isso !!! Estou fazendo um esforço tremendo e me sinto no vazio em nao poder saber quanto será essa taxa mes que vem…e sem ter as respostas corretas…

      • você consegue ver no site da caixa/habitação e a programação em uma ag da caixa, com certeza a taxa só aumenta não diminui

  20. Boa tarde a todos.Pesquisando sobre “Guarulhos” acabei caindo no blog. Tenho um problema com empreendimento Bem viver Guarulhos que eu me minha esposa compramos em 2011 e gostaria de um Help. Fiz de tudo para não abandonar a causa e manter os pgtos em dia,mas por volta de maio /junho2013(se não me engano) acabei deixando de lado, estava me matando viver no limite financeiro(0,00 dia 05, 0,00 dia 20 antes mesmo de receber rsrs). As prestações começaram em 480,00 e estavam a + – 680 em 2013. Bem, liguei no atendimento e fiz o tal “distrato” em 03/10/2013, sabendo que ia perder dinheiro com certeza.Após isso recebi uma ligação de como proceder para concretizar o tal distrato e como confirmar ele no site da construtora e assim fiz, cancelei.Depois desta data já com cancelamento confirmado até agora não recebi nenhum contato, digo nenhum mesmo, nem email,nem telefone,etc.Fiz um contato hoje e recebi a informação que já foi solicitado o ressarcimento dos valores, mas sem previsão de data concreta “assim afirmou a atendente”. Alguém já passou por isso com a MRV e sabe como funciona? Se realmente eles devolvem e demora tanto assim ? Obrigado por enquanto.

    • Marcos,

      Desculpe a demora em responder, caso ainda não tenha tido solução o único conselho que posso te dar é ficar em cima da MRV pois vejo várias reclamações sobre distrato e isso realmente demora. Mande e-mail, entre no facebook na pagina da MRV responde. Tente todo tipo de solução para resolver e caso não tenha atendimento satisfatório recorra a justiça.

      Att.
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê.

  21. OLA BOM DIA
    Gostaria de saber de vcs , sobre a taxa de evolução de obra, comprei um apto em agosto de 2013, começei a pagar a taxa de evolução em dezembro no valor de 59,00r$ janeiro passou pra 149,00r$ e fevereiro 289,00r$ esta taxa e normal dobrar de valor todo mês? e se realmente ela pode ultrapassar os 70% do valor da parcela que a cef me informou?
    To meio preocupado com está situação, vcs podem me ajudar. no aguardo.
    Edinei

    • Edinei,

      Obrigado por acompanhar o nosso blog. A informação de que a taxa de obra não poderia ultrapassar 70% do valor da primeira prestação foi fornecida pela construtora e confirmada pelo funcionário da CEF. Meu financiamento foi assinado há mais de um ano e ainda não tive nenhuma surpresa “absurda” com relação a valores não. Como está o percentual de evolução da obra (construção e edificação) do apto que comprou ? Pois se vc comprou no inicio da obra não faz muito sentido a taxa aumentar desta forma. Mas se a obra já esta avançada (+ de 50%)por exemplo é normal que a taxa tb aumente. Você recebeu a planilha de evolução teorica?? Este é um documento onde a CEF faz uma demonstração crescente dos valores da taxa (essa planilha nem sempre é seguida a risca mas dá para se programar um pouco). Se não recebeu sugiro que procure a agência e verifique a possibilidade de ter essa planilha (recebi a minha no mesmo dia em que assinei o contrato). Outra dica repare se no demonstrativo que tem recebido todos os meses com o valor da Taxa de obra à pagar possui o campo saldo devedor, este valor aumenta conforme a taxa de obra aumentar tb. Compare com os demonstrativos que recebidos e verifique se houve alguma mudança considerável no saldo devedor informado.

      Mas o principal conselho que posso te fornecer é que em qualquer sombra de duvidas procure a agencia onde o financiamento foi fechado e peça esclarecimentos no setor de habitação. Pois somente a CEF na minha opinião é a melhor fonte de informação para sanar qualquer duvida sobre a Taxa de Evolução de Obra. Não aconselho ligar para construtora pois o pessoal do Call center não tem muitas informações concretas sobre o assunto. E sinceramente acho que todas as construtora deveria dar treinamentos sobre o assunto para que os clientes recebam informações concretas.

      Espero de coração ter te ajudado e por favor me passe um retorno sobre a sua situação caso procure uma agencia para solicitar esclarecimentos e tirar suas duvidas pois quanto mais informação e dicas tivermos para dar melhor.

      Abraços e boa sorte!!!!
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê.

    • amigo essa taxa é dificil de calcular os gerentes da caixa não sabem informar só sei que comecei com 50 reais agora pago 400 reais e o imovel vai ser entregue mes que vem.E tem gente dizendo que a cobrança dessa taxa é abusiva…conheço pessoas que recorreram ao judiciário e o juíz suspendeu a cobrança dessa taxa outras pessoas dizem ser legal.Só sei que esse valor não é abatido no preço do imóvel.Boa sorte amigo !!!

  22. Boa noite, gostaria que alguem me ajudasse na seguinte situação. Moro num condominio da MRV desde março de 2011. Na época paguei todas as parcelas da evolução de obra que chegaram, e foram muitas…
    Daí esse mês me chega um boleto com vencimento pro dia 20/04 escrito o seguinte: “Juros contratuais – fases de obra, valor R$268,00″.

    Pensei comigo, juros de obra, sendo que a obra ja terminou ha mais de 3 anos… Liguei la MRV hj e a moça me disse que essa cobrança é indevida, mas se eu não pagar, meu nome vai pro Cerasa… olha só isso. E tb me disse o seguinte, me falou que a averbação do meu habite-se saiu em set/2011, mas disse que eu paguei taxa de evolução de obra até maio/2012. Segundo ela, por lei eu só poderia pagar a taxa de evolução até 3 meses depois que saiu o habite-se, então todas as outras que eu paguei foram indevidas, e eles teriam que me ressarcir em todos os outros meses que paguei com juros e correção. Porem pesquisando na net descobri que eu teria que parar de pagar a taxa de evolução de obra assim que saiu o habite-se, e esses 3 meses que ela disse não procede.

    Queria saber se entro na justiça, pois paguei pelo menos 8 meses de taxa de construção depois da averbação do habite-se. E tb, se pago esse boleto que chegou agora de 268,00. Pq se ele é indevido, segunda a propria MRV, se eu não pagar e eles sujarem meu nome, posso meter um processo feio neles tb né?

    O que acham?

    Att, Rogério

    • Rogério,

      Primeiramente peço desculpas pela demora em responder pois estava com problemas de conexão de internet. Bom meu conselho é que vc vá a uma agencia do banco onde fez o financiamento e peça um extrato da sua conta de habitação. Depois peça para a atendente enviar um e-mail com o resumo da conversa ou seja, o ideal é ter por escrito a informação de que a cobrança é indevida. Agora com relação as taxas cobradas após a averbação é importante saber qual a competencia das taxas pois se forem referente ao período apos averbação do habite-se é ilegal.

      O importante é sempre estar munido do máximo de provas possíveis antes de entrar na justiça. Para que possa entrar na justiça para ganhar!

      Espero que possa ter ajudado em algo e peço que nos mantenha informado sobre o assunto.

      Abraços,
      Carla Martins

      • Obrigado pelo retorno Carla… Liguei novamente hj na MRV e me disseram que eles tem um prazo limite até 06/06 pra me dar um retorno sobre tal estorno. Vou seguir seu conselho e ir ao banco solicitar a conta de habitação, levantar todos os comprovantes e contratos, e se não chegar a um acordo, entrarei na justiça. Tb não paguei esse boleto sem sentido que chegou com vencimento pro dia 20/04 passado… Qualquer novidade posto aqui.

        Att, Rogério Martins

      • Roger,

        Nos mantenha informado sobre a sua situação, para que todos possamos saber como proceder caso isso aconteça conosco.

        Mais uma vez obrigado pela participação!

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

  23. Carla, boa tarde:

    Em primeiro lugar obrigada pelo apoio tirando nossas duvidas nesse momento tão delicado que é a compra de uma casa.
    Minha duvida é a seguinte:
    Estou negociando com a Mrv a compra de um apartamento na planta financiando pela Caixa. No simulado da Caixa aparece essa cobrança de Fase de Obra com a 1º parcela de R $45.00 e a 24º parcela de R $669, 00 sendo que no primeiro contato com a MRV não havia sido informada dessa cobrança e somente depois que solicitei a simulação impressa que vi que tinha essas parcelas e ainda me informaram que na simulação sai somente 24 parcelas mas na verdade são 36 parcelas, se a 24º parcela já está em R$669, 48 imagine a ultima. Gostaria de saber se isso que estarei pagando será abatido no valor do financiamento?
    Abraço e mais uma vez obrigada!

    • Grasiela,

      Boa noite!

      Achei estranho uma planilha da CEF de evolução teórica de 36 parcelas. A Taxa de evolução de obra é cobrada enquanto o apto vai sendo construído e isso não pode durar 36 meses. Em geral a taxa de evolução de obra não pode ultrapassar 70% do valor da sua primeira prestação. O que também achei estranho é que a planilha da CEF somente é liberada quando vc assina o contrato com a CEF. O que vc irá pagar de taxa de obra não ira abater do valor financiado. Acho que precisar solicitar maiores informações para o corretor e estar preparada para efetuar o pagamento da taxa de obra. Em geral a taxa vem que no valor exato da planilha e a taxa aumenta conforme o imóvel vai ficando pronto.

      Espero ter ajudado e se tiver mais alguma duvida entre em contato novamente.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  24. Boa tarde, estou desesperado.

    Assinei meu contrato com a caixa dia 19 de Dezembro de 2013 e até hoje não tenho ele em mãos. Quando fui assinar no correspondente da caixa, a moça me disse que só iria ter ônus quando meu apartamento fosse entregue. Ai no mês de abril a Caixa me ligou dizendo que eu tava devendo essa taxa de obra uns 3 meses, sendo que nem sabia da sua existência. To tentando entrar em contato com a costrutora e a caixa mas até agora não obtive um retorno sobre como posso regularizar minha situação.

    Minhas perguntas são: Posso perder meu apartamento por causa desse atraso? Qual caminho para regularizar? Posso reaver esse dinheiro entrando na justiça?

    • Johnnathan,

      Boa tarde!

      A pratica usada hoje no mercado quando se trata de imóveis na planta é que durante a construção do mesmo seja efetuada a cobrança de taxa de evolução de obra. Estou completamente indignada pelo fato do seu corretor não ter te informado o pagamento destas taxas. Não conheço casos com informação sobre o que ocorreu com o o imóvel devido ao não pagamento das taxas junto ao agente financeiro . O que sei é precisa de alguma forma regularizar esta pendencias junto a CEF porque senão terá restrições junto ao seus CPF. Normalmente quando a taxa não é paga a construtora efetua o pagamento e depois repassa a cobrança ao cliente. Qual seria a sua construtora? Bom a minha é a MRV e quando isso aconteceu com outros moradores do meu condomínio teve alguns boletos disponibilizados no site. Verifique se a sua construtora gerou algum boleto para pagamento. Caso não tenha gerado o meu único conselho é que vc entre em contato com a CEF onde financiou seu apto.
      Também existe um link na internet onde é possível consultar o valor referente a sua taxa de obra a cada mês. Um outro detalhe é que as taxas precisam ser pagas até o dia do vencimento que em geral é o dia da assinatura do contrato junto a CEF.

      http://www1.caixa.gov.br/CASA/HABITACAO/INDEX.ASP

      Com relação a reaver na justiça esse dinheiro. Tenho feito pesquisas na internet e somente quando ultrapassa o prazo de entrega do imóvel é que os juízes estão dando ganho de causa. Infelizmente a cobrança é legal e não abate do seu saldo devedor financiado.
      Se caso seu apto tenha sido financiado pela Caixa Econômica me passe um e-mail para que eu possa te dar algumas dicas. Segue abaixo o endereço: carlla.martins@bol.com.br
      Como recebo inúmeros e-mails diariamente peço que caso que tirar mais alguma duvida mencione no titulo do e-mail “duvidas – blog”.

      Agradeço pela visita e espero ter ajudado em algo.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê.

      • Muito obrigado pelo esclarecimento. Desculpa, é pq não consigo resposta de ninguém. A minha é a Capital Rossi. Me deram um numero mas não consigo contato, mandei e-mail mas não respondem. To aflito com isso.

      • Johnnathan,

        Com relação a como a Rossi trabalha não consigo de ajudar. Mas o procedimento com relação a taxa de obra é o mesmo. Sugiro que coloque reclamação no reclameaqui.com . Pois normalmente costumam responder. Procure também no facebook, twitter se a Rossi tem pagina lá e divulgue o link da reclamação. Tente recorrer a todos os meios de comunicação até pq se vc for recorrer a justiça terá provas de que buscou todos os meios antes. Quando digo recorrer a justiça digo não para não pagar a taxa porque isso não será possível mas sim pelo fato da construtora não ter te passado todas as instruções devidas.

        Nos mantenha informado sobre o assunto e qualquer duvida fale conosco para que possamos tentar buscar alguma informação para vc.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê.

    • Johnnathan,

      Boa tarde!

      Entendo o tamanho do seu desespero, mas não tive com responder anteriormente. As mensagem postadas por cada usuário ficam pendentes até a minha aprovação. Em geral prefiro aprovar e responder automaticamente por isso não aprovei antes. Como o seu caso é complexo e vc está extremamente preocupado com a sua situação tentei resumir da melhor forma possível para eu pudesse te ajudar sobre o assunto.

      Continuo a disposição para lhe ajudar no que for preciso.

      Mais uma vez agradeço pela visita.
      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê.

      • Sem problemas entendo a sua aflição. Nos mantenha informado sobre o desenrolar do assunto.

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

  25. Boa tarde… a respeito dessa taxa de evoluçao de obra é correto ser cobrada. Na verdade é assim, essa taxa é um juros que estão te cobrando todo mês, enquanto isso suas parcelas do ap estão congelada, provavelmente vc deve ter feito o financiamento associativo. Se vc tivesse feito outro financiamento que é pelo banco, onde vc paga 20% do valor do imóvel a vista não é cobrada essa taxa de evolução, porém quando for pagar as parcelas do ap serão reajustadas todo mês. TRADUZINDO de qualquer forma pagamos essa taxa, ou agora enquanto as obrars estao sendo feitas ou depois que elas forem finalizadas(que vem como juros na parcela)

  26. A respeito da minha postagem de 17/04
    Não paguei aquele boleto fantasma que chegou 3 anos após o fim das obras, pois como a atendente tinha me falado, era indevida. E pra variar recebi por email que meu nome está sendo incluído em serviço de proteção ao débito…Liguei la pra questionar e a conversa dessa vez foi diferente… me falaram que esse boleto que chegou de 268,00 com vencimento pra 20/04, é uma cobrança retroativa de um boleto que não paguei em 28/08/11 de mesmo valor. Só que eu achei aqui um comprovante que eu paguei sim esse boleto em 04/09/11. Ou seja, é sim uma cobrança indevida…. Resumindo…eu odeio essa MRV, cada vez mais… amanha estou entrando com ação pra limpar meu nome e depois quero indenização por sujarem meu nome por causa de cobrança indevida, de algo que ja paguei ha quase 3 anos atras…

    • Rogério,

      Estou chocada com a situação. Ainda bem que vc consegui localizar os comprovantes, para futuros questionamentos. Ontem descobri também que no site da CEF tem como pegar o relatório de todos os pagamentos do ano anterior sem precisar ir na agência.
      Através do link: http://www1.caixa.gov.br/casa/habitacao/index.asp
      Depois de informar o numero do seu contrato e CPF é só clicar no Demonstrativos dos valores cobrados. Não sei se para vc também serviria já que tem mais de um ano que vc já pagou isso. Mas vale a pena tentar pois se tiver alguma informação neste link será mais uma prova de que não deve.

      Boa sorte no processo e nos mantenha informado sobre o desenrolar do seu problema.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

      • Carla, dei uma olhada no seu link, pena que tudo se refere apenas ao ano anterior.. inclusive a Declaração de Quitação Anual de Débitos, é apenas referente a 2013…
        Mas de qq maneira, hj fui na Caixa e pedi o extrato da minha conta habitação (e pra variar tive que pagar $5.00 pela impressão), e aqui consta que paguei sim essa fatura de taxa de evolução de obra de set/2011 que estão me cobrando de novo quase 3 anos depois. Segunda feira meu advogado vai entrar com dois processos (pois incluíram meu nome e o da minha esposa) em órgãos de proteção ao credito, por conta dessa cobrança indevida que não paguei…vamos ver o que acontece…

      • Rogério,

        Que bom que conseguiu o extrato da sua conta de habitação para comprovar tudo que foi pago. Isso será primordial para o processo.

        Qualquer novidade nos reporte, pois tenho certeza de que seu caso será de referência para muitas pessoas q possam vir a ter o mesmo problema que vc.

        Forte Abraço,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê.

  27. Boa tarde Caros, estou com uma duvida…

    Peguei as chaves do meu imóvel, meu habite-se já foi acertado porem continuo pagando esta tal taxa de obras.

    Questionei a agencia de Cumbica sobre os valores e eles me disseram o seguinte.

    —-

    Prezado Allan, boa tarde!

    1. Esse valor é referente a Taxa de Evolução de Obra.
    2. A cobrança da Taxa de Evolução de Obra é efetuada até o término de obras em sistema, a entrega das chaves não caracteriza esse término.
    3. Não é possível informar a data exata do término de obras em sistema.

    Atenciosamente,

    Setor Habitação
    Agência Cumbica

    —-

    Isso ta certo ? A obra já foi finalizada.

    • Olá Allan, infelizmente isso esta correto, estou vivendo a mesma situação. Primeiro eles liberam o habite-se para entregar as chaves, depois da entrega da chave são de 90 á 120 dias para sair a AVERBAÇÃO DO HABITE-SE só depois dessa averbação que vc para de pagar. Na verdade essa taxa de evolução de obra nada mais é do que um juros sobre suas parcelas. Quando vc começar a pagar as parcelas do apartamento ela nao tem juros? não é isso? elas são decrescentes, com o tempo vai diminuindo. Então essa taxa de evolução é o juros da sua parcela que vc ja esta pagando agora antes de sair o ap. Isso acontece quando vc faz o financiamento associativo. Que com certeza deve ser o seu caso.

      • Queli,

        Agradeço pela participação constante no assunto. Seus relatos são importantes para todos.

        Obrigado!

        Abraços,
        Carla Martins
        Blog Eu e meu apê

    • Fiz uma publicação anterior falando a respeito disso. Dá uma olhada!

      Boa tarde… a respeito dessa taxa de evoluçao de obra é correto ser cobrada. Na verdade é assim, essa taxa é um juros que estão te cobrando todo mês, enquanto isso suas parcelas do ap estão congelada, provavelmente vc deve ter feito o financiamento associativo. Se vc tivesse feito outro financiamento que é pelo banco, onde vc paga 20% do valor do imóvel a vista não é cobrada essa taxa de evolução, porém quando for pagar as parcelas do ap serão reajustadas todo mês. TRADUZINDO de qualquer forma pagamos essa taxa, ou agora enquanto as obrars estao sendo feitas ou depois que elas forem finalizadas(que vem como juros na parcela)

    • Allan,

      Bom dia!

      O habite-se pode ser liberado, mas é necessário que ele esteja averbado para que a construtora leve os documentos até a CEF e dê como finalizada a obra. Em geral em algumas prefeituras este processo se dá em até 90 dias. Porém de nada adianta se a Construtora não enviar estes documentos para a CEF. Então sugiro que acompanhe este processo junto a prefeitura, em algumas é possível até acompanhar via site e /ou telefone. E assim que tiver certeza da averbação pressione a construtora para que finalize o processo junto a CEF.

      Que bom que o setor de habitação lhe respondeu pois em alguns casos eles nem respondem. Siga as instruções que passei acima e depois nos posicione sobre o desenrolar do seu caso.

      Obrigado por participar e continue nos acompanhando.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê.

      • Vou acompanhar o processo, qualquer novidade posto aqui.

        Obrigado a todos.

  28. Ola a todos, só vim atualizar a minha situação a respeito de algumas postagens que fiz.
    Entrei com processo sobre a MRV por cobrança indevida. Meu advogado pediu restituição em dobro, e 100 salário s mínimos por danos morais e materiais. Ele tb pediu tutela antecipada ao juiz pra limpar meu nome enqto corre o processo. Tb aproveitei pra processar a MRV por cobrança de corretagem, que é proibida. Pra quem não sabe, é a tal de “assessoria imobiliária” que vc paga, que nada mais é do q a corretagem (com nome disfarçado) pra quem vendeu o imóvel. No meu caso, foi R$2600,00. Emfim, vou ferrar a MRV de todas as formas que conseguir, pra deixarem de ser idiotas…

  29. Carla bom dia.
    Depois que a MRV passou a disponibilizar o boleto no site eu passei a pagar pelo meu bankline. Está errado então?
    Outra duvida já recebi as chave do AP e estou morando, mas não saiu o tal habite-se, então fui informado que a demora é por que a MRV está com problemas junto a prefeitura, então eu continuo pagando a taxa por causa da MRV. Compensa eu acionar a MRV judicialmente?

    Obrigado pela a sua atenção.

    Leonardo Menezes

    • Leonardo,

      O correto era que o valor fosse depositado diretamente na sua conta da caixa, assim evitaria que fosse onerado de multa e juros pois o valor que vc paga a MRV referente a taxa de obra via boleto da MRV está acrescido de multa e juros. Além de efetuar pagamento com atraso de aproximadamente três meses. Exemplo: Se a MRV liberou boleto de taxa de obra para pagamento dia 10/07 com certeza esta taxa refere-se a no minimo abril ou março. O que irá acontecer é que quando o habite-se do empreendimento for emitido e averbado você terá que arcar com duas parcelas (Taxa de obra p/ a MRV e Parcela de Financiamento para o Banco) até que todas as taxas pagas em atraso estejam com o pagamento efetuado.

      Meu conselho é que vá a uma agencia do banco onde fez seu financiamento e peça instruções de como proceder o pagamento das taxas corretamente. vou te dar um exemplo usando meu caso.

      Meu financiamento foi feito pela CAIXA e usei FGTS logo a CAIXA abriu para mim uma conta Habitacional cuja a operação é a 012. então todos os meses dez dias antes do meu vencimento que é o dia 13 devido a esse mesmo dia ter sido o dia de assinatura do contrato eu entro neste site http://www1.caixa.gov.br/CASA/HABITACAO/INDEX.ASP coloco o numero do meu contrato com a CAIXA e CPF e vou no link segunda via de carnê, clico na prestação 0 (zero) e imprimo para saber o valor que eu tenho que depositar (este deposito pode ser feito no caixa eletrônico – com pelo menos 2 dias de antedência ou direto no caixa). Eu não efetuo pagamento deste boleto mesmo ele tendo código de barras pois foi instruída pelo setor de habitação a proceder desta forma e tem dado certo estou na 19ª prestação e nunca tive problemas.

      Se o seu banco não for a CAXA ou caso não tenha usado o FGTS, te aconselho a ir na agencia no fez o seu financiamento para receber instruções diretamente do setor de habitação. Com relação a acionar a MRV judicialmente por ainda não estar pagando o financiamento e sim taxa de evolução de obra. Com certeza poderá entrar na justiça e ter exito, procure um bom advogado e de preferencia que tenha experiência neste tipo de caso.

      Espero de alguma forma ter ajudado, qualquer duvida procure nosso blog novamente.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

  30. olá carla! comprei um ap. na planta e estou recebendo o demonstrativo para acompanhamento de pagamento da taxa de obras.neste demonstrativo,consta que as parcelas estão sendo debitadas na conta poupança habitacional(012),sendo que, não estou depositando valor algum nesta conta.pois tem saldo suficiente para estes débitos.segundo um atendente da cef,informou-me que este saldo positivo fazia parte de FGTS(entrada 100 % do FGTS).pois bem,pergunto: isto é nomal? se dei de entrada 100 % do meu FGTS, porque estão descontado taxas de fases da obra deste valor?desde já agradeço sua ajuda!

    • Aluisio,

      Desculpe a demora em responder. Entrei em contato com um amigo que trabalha na CEF, porém ele não é do setor habitacional e segundo informações que ele me passou acontece o seguinte quando você usa o seu FGTS para comprar um imóvel, mesmo que o valor seja efetivamente pago 100% com o seu FGTS você terá que pagar taxa de obra sim. Pois teve que fazer contrato de financiamento igual aos demais compradores, só não iria pagar taxa de obra se o imóvel fosse pago diretamente a construtora. Mesmo assim achei estranho a informação que ele me passou pois fiquei pensando como seria para a CEF mensurar o valor a pagar de taxa de obra se ela provavelmente liberou o valor do imóvel de uma unica vez para a construtora. Enfim ainda estou pensativa!!!!

      Esse atendente que te passou essa informação é do setor Habitacional? Ou recebeu esta informação por telefone? Se foi por telefone aconselho a ir pessoalmente a CEF onde fez o seu financiamento. Mesmo não estando certa da informação que recebi, resolvi passar a informação mesmo assim para ver se iria de encontro a que você recebeu. Nunca havia visto um caso assim.

      Peço que nos mantenha informados do desenrolar das suas duvidas para que possamos ter mais essa experiência sobre o assunto.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu eu meu apê

  31. Será que alguém pode me ajudar ?
    Eu comprei um APTO da MRV e queria saber se a taxa de obra equivale a porcentagem do valor total do imóvel e qual é essa porcentagem ?
    Outra, eu totalizei as 24 parcelas da taxa de obra, e está dando mais de R$ 12.000,00.
    É isso mesmo ?

    • David,

      Até onde eu tenho conhecimento a taxa de evolução de obra não equivale a porcentagem do valor do imóvel. Ela varia de acordo com a liberação do saldo devedor a construtora. Aconselho a ir até a agencia onde financiou o apto para verificar melhor procedimentos de calculo. E sim dependendo do valor do imóvel financiado, quantidade de parcelas a taxa de obra pode formar um valor alto sim.

      Não sei se consegui te ajudar mas como cada caso é um caso prefiro não lhe passar informações que não tenha procedência segura.

      Abraços,
      Carla Martins
      Blog Eu e meu apê

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s